{lang: 'en-US'}

quarta-feira, 28 de março de 2012

Daniel HDR e os heróis Hanna-Barbera na versão Liga da Justiça




Semanas atrás, conversando com meus amigos do site Multiverso DC, lembrei os clássicos super-heróis da Hanna-Barbera: Space Ghost, Homem-Pássaro, Mightor, os Herculóides, Galaxy Trio, entre tantos outros.
Colocá-los interagindo nunca ocorreu nos desenhos dos anos 1960/1970 (que no começo dos 1980 eu assistia). Porém, um universo conjunto foi explorado pelos produtores quando alguns dos personagens tiveram séries de humor no Adult Swim, como Space Ghost – Costa à Costa e Harvey (Homem-Pássaro) Advogado.
Liga da Justiça + humor = a inesquecível fase escrita por J.M. DeMatteis, Keith Giffen e ilustrada de forma única por Kevin Maguire (que eu tive o prazer de conhecer pessoalmente em minha ida à New York Comic Con de 2011). Na clássica capa da #1, Maguire mostrou os personagens da equipe sendo vistos por cima, e todos personagens olhando para o leitor, de forma irônica. Foi então que resolvi fazer uma dupla homenagem: à esta capa e aos clássicos super-heróis da Hanna-Barbera.
E aqui está a minha Liga da Justiça das manhãs de sábado :)
 Topo: O Jovem Sansão e seu leão Golias; Homem-Vapor, Flutuadora e Homem-Meteoro (o Galaxy Trio); Tara, Igoo e Zandor, dos Herculóides;
Centro: Homem Pássaro e sua águia Vingador; Space Ghost;
Embaixo: O Falcão Azul e Dinamite, o bionicão; Mightor.





Abaixo a capa original, responsável pela inspiração de Daniel para a produção da nova versão da Liga da Justiça.
Não há como negar que o desenho feito pelo ilustrador brasileiro está infinitamente superior. Basta ver... 

A capa da versão importada


A capa da versão nacional
Enfim, espero que tenham curtido este post. Ao Daniel, meus sinceros agradecimentos pela autorização em postar este trabalho fantástico. 
Quer conhecer mais do trabalho dele? Acessem Daniel HDR
←  Anterior Proxima  → Página inicial

3 comentários:

  1. São tantos os desenhos de minha infância dos quais sinto falta: Fly, Mutant League, Skeleton Warrios são alguns deles. As ilustrações são muito bonitas e bem feitas mesmo!

    ResponderExcluir
  2. Quanto vale essa revista brasileira em perfeito estado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gustavo, só consultando um especialista... Porém não vou alimentar esperanças de um preço elevado. Ainda temos uma cultura que não valoriza os quadrinhos como mereceriam.
      Abração.

      Excluir