{lang: 'en-US'}

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Uma breve opinião sobre os "Novos 52" da DC




Por Franz Lima
Ao final desta matéria, disponibilizo um link que achei muito bom, com dicas e as primeiras opiniões sobre as edições já lançadas. Confiram!

Olá, amigos leitores. Esta não é uma matéria no sentido mais amplo da palavra. Na verdade, farei uma breve análise da reformulação (outra, apenas para citar) do universo DC. Li muitos artigos em sites estrangeiros e nacionais. Ouvi opiniões e, ainda sem ler as edições - alguém lerá as 52 edições mensais? - vou tecer meus comentários.

A DC e a Marvel são editoras de grande renome que passam (pois ainda continuam nesta luta) por um grande e contínuo problema de criatividade. Heróis morrem, ressuscitam, universos são recriados, sagas cósmicas sucedem-se e não vemos estabilidade dentro das editoras e das realidades criadas por elas.
Cresci acompanhando as HQ da Marvel e da DC. Não estabeleci preferências entre uma ou outra, pois as duas são parte integrante da formação intelectual (por que não?) minha e de muitas outras pessoas que estão intimamente ligadas aos quadrinhos. Não vou usar uma temática saudosista, reclamante de um passado onde tudo era melhor... até porque não era. 
Lendas foram reestruturadas durante anos, mas em sua maioria de forma gradual. De alguns anos para cá, nós, leitores, fomos bombardeados por criações e destruições acima daquilo que podemos gerenciar. Não há como acompanhar tantas mudanças, cada uma mais rápida que a outra. Superman morre, lanternas verdes (azuis, vermelhos, negros...) surgem aos milhares, guerras cósmicas, vilões viram heróis, heróis viram vilões, uniformes novos... uma infinidade de mudanças já ocorreram e, agora, a anunciada mudança definitiva nos atinge com o impacto de um tsunami.
Os "Novos 52" são, em síntese, a maior das reformulações da história dos quadrinhos. Todos os 52 principais títulos da DC foram reiniciados do ponto zero, trazendo-se algo mais próximo para a realidade do público atual. Até a personalidade de alguns deles (inclusive os mais conhecidos) receberam mudanças leves ou radicais. Também pude perceber que esta iniciativa está voltada a trazer o público da TV (das séries) para as HQ. Superchoque é um exemplo bem claro disso, principalmente em nosso território. O ressurgimento de personagens antigos (alguns excluídos sumariamente há anos) são outra forma de trazer os leitores de outrora para estas novas publicações. 
Ainda não consegui definir se é uma reestruturação benéfica, contudo posso dizer com certeza que não será a última. A cada mudança de aspecto da geração predominante, os roteiristas e executivos das editoras irão arrumar uma forma de arrebanhar o público. 
Concluindo, pude observar que há algumas mudanças que são interessantes e outras que beiram o ridículo, porém é viável aguardar um pouco mais para saber que rumo esta história tomará. Não adianta reclamar, pois já é uma realidade. O que cabe frisar é que, caso dê errado, certamente os editores irão arrumar uma desculpa para esta fase e, com o decorrer do tempo, incluí-la no limbo do esquecimento.
As mudanças serão bem-vindas a partir do momento em que se provarem feitas com inteligência e respeito aos públicos antigos e aos novos.

Obs.: O destino das edições atuais ainda não ficou muito claro. Selos como o Vertigo também serão reformulados? Pelo que vi no próprio site da Panini, aparentemente não serão lançados todos os títulos no país (algo inviável até para a realidade do leitor brasileiro), o que me leva a crer que haverá a fusão de títulos. A única coisa que espero é que, desta vez, não haja um entrelaçamento de edições onde o leitor seja forçado a adquirir um título que não gosta em busca da continuidade de uma história que lê por outro. 

Leiam a seguir a matéria do Plano Crítico sobre os Novos 52, clicando no link. A matéria tem continuidade, basta buscar a parte 2.
Trarei mais novidades em breve, assim que tiver os títulos em mãos. Obrigado ao Edilton (www.stephenking.com.br) pela dica de matéria. Abraços a todos...
Franz.



←  Anterior Proxima  → Página inicial

2 comentários:

  1. aeeeeeeeee \o/ tô correndo feito louco atrás das Hqs pra poder resenhar pra vc. Vou acompanhar mensalmente os 5 principais títulos: Superman, Batman, Lanterna Verde, Flash e Liga da Justiça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu velho amigo, ficarei muito feliz em publicar uma resenha sua sobre os "Novos 52". Como lhe disse, trarei também boas novidades para o stephenking.com.br em breve. Já adiantando, estou buscando o livro "A Coisa" (It) em espanhol para que possa sortear entre seus leitores. Espero que dê certo... #tenso

      Excluir