{lang: 'en-US'}

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Divulgação: como evitar as dores provenientes do mau uso dos tablets. Via revista Veja.





Autores: Daniela Macedo e Gabriella Sandoval

Quem tem um tablet não se separa dele por nada. Em casa, no escritório, na praia, na sala de espera do consultório médico e na fila de embarque do aeroporto, os loucos por iPad passam horas sem desgrudar os olhos – e os dedos – da telinha interativa

Sentados, em pé ou deitados, eles querem ler notícias, livros e e-mails, atualizar-se nas redes sociais e assistir a filmes e vídeos. A versatilidade do equipamento, porém, pode ser a responsável por um incômodo relatado com frequência crescente por donos de tablets: as dores decorrentes do uso do aparelho em posição inadequada. "Após quarenta minutos de inclinação do pescoço, por exemplo, a musculatura da região cervical começa a sofrer um stress que pode ocasionar dores", diz o médico fisiatra e ortopedista Carlos Alexandrino de Brito, coordenador da Escola de Postura da Rede Lucy Montoro, do Hospital das Clínicas de São Paulo. O problema é tão comum que já ganhou nome próprio: iPad Neck ("pescoço de iPad"). Tendinite, mal-estar e dor de cabeça também podem estar associados ao uso prolongado do equipamento. Carlos Brito e Flávio Faloppa, ortopedista vice-presidente da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (Sbot), recomendam posturas adequadas para evitar que dores e outros desconfortos atrapalhem a diversão de quem não vive sem seu pequeno companheiro.

 

Errado
Por que faz mal: o movimento fino de pinça para segurar o tablet pode provocar dores nas articulações da base do polegar, a região chamada de trapézio metacarpiano. O uso prolongado também pode ocasionar a tendinite de De Quervain, que afeta a região entre o polegar e o punho. Outro problema: “Quem segura o iPad com apenas uma das mãos tende a apoiar o corpo em uma das pernas e, assim, desalinhar toda a coluna”, diz Carlos Alexandrino de Brito

Certo

Por que é recomendado: os cotovelos próximos ao corpo reduzem a sobrecarga na musculatura dos ombros. Segurar o tablet com as duas mãos durante a leitura — como bandeja, para evitar a tensão do polegar — divide o peso do aparelho igualmente entre os dois braços. “Quando estiver usando uma das mãos para tocar na tela, o ideal é trocar o braço de apoio ao primeiro sinal de cansaço para não sobrecarregar um dos ombros”, recomenda o ortopedista Flávio Faloppa

Errado
Por que faz mal: posicionar
o tablet na horizontal, seja sobre a mesa ou no colo, obriga o usuário a olhar para baixo por muito tempo e, não raro, provoca dores na região cervical. Sem apoio para os braços, sofrem os músculos dos ombros. “Além disso, a permanência nessa postura por período prolongado pode causar dores de cabeça, mal-estar e tontura”, explica o médico fisiatra e ortopedista Carlos Alexandrino de Brito

Certo
Por que é recomendado: a ideia é reduzir a inclinação da cabeça e manter a coluna o mais reta possível. No escritório, a capa dobrável ou uma pilha de livros ajudam a deixar o tablet inclinado. No sofá, almofadas podem desempenhar essa tarefa. Se a distância entre o tablet e os olhos não for suficiente, segurá-lo previne a projeção do tronco, que sobrecarrega os músculos das costas. Nesse caso, os apoios de braço previnem dores nos ombros e cotovelos. Manter os cotovelos próximo ao corpo poupa os tendões e a musculatura dos ombros

 
Errado
Por que faz mal: de bruços, ocorre uma sobrecarga nas regiões cervical e lombar da coluna, o que pode causar contraturas musculares — e, claro, muita dor. Além disso, as vértebras aumentam a pressão sobre os ligamentos, acelerando o processo degenerativo provocado pelo desgaste natural. Por fim, sofrem também as articulações dos cotovelos e ombros, que sustentam o peso do tronco. Quando o usuário está deitado de costas, a dor pode resultar da hiperextensão da cervical e do desalinhamento dos ombros

Certo
Por que é recomendado: não se trata de uma postura ideal, mas é a que menos maltrata a coluna e os membros superiores. Procure manter a coluna ereta, mas atenção: se a distância entre o dispositivo e o rosto não for suficiente para uma leitura confortável, tende-se a projetar a cabeça e, consequentemente, forçar a coluna cervical. “Segure o tablet na posição mais confortável, mantendo os braços apoiados para reduzir o esforço dos músculos e tendões dos ombros e cotovelos”, aconselha Flávio Faloppa

Franz says: não tenho muito a acrescentar a esse post, mas como é algo de utilidade pública, certamente caberia ao Apogeu repassar essas dicas aos seus leitores. Espero que gostem e coloquem em prática as informações fornecidas.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

Um comentário:

  1. Essas dicas, fáceis de colocar em prática, ajudam bastante a evitar alguns incômodos,dor de pescoço é horrível.

    ResponderExcluir