{lang: 'en-US'}

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

O primeiro Homem-Morcego da História.





Santo xamanismo, Batman! 
 
Ele não tinha Batmóvel nem cinto de utilidades, e não vivia em Gotham City. O primeiro homem-morcego de que temos registro surgiu na cultura Tairona, na atual Colômbia. Esta civilização viveu o seu auge entre os anos 800 e 1600 da nossa era, e deixou um rico legado. Assim como outros povos pré-colombianos, sua cultura era marcada pela associação entre o universo humano e a natureza, visível em vários registros iconográficos e esculturas que mostram seres híbridos. Um exemplo é o peitoral de ouro utilizado para fins religiosos, que traz um homem com asas pra lá de imponentes. Trata-se de um homem-morcego, representando um xamã em transe. Parece que, ao contrário do personagem dos quadrinhos, a versão sul-americana tinha superpoderes.

Franz says: nós também temos nosso Homem-Morcego: www.morcegaofm.com.br
←  Anterior Proxima  → Página inicial

Um comentário:

  1. Acredito que muitos dos ícones grandiosos das HQs são frutos de ideias que circulam pela humanidade há muito tempo, os arquétipos. Portanto, não é de se estranhar a existência de um homem-morcego que nos faz pensar no justiceiro de Gotham. O morcego que temos é um combatente pelo velho e bom rock'n roll!

    ResponderExcluir