{lang: 'en-US'}

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Demônios: um conto de terror escrito por Aluísio Azevedo





Demônios é um conto de Aluísio Azevedo, o mesmo escritor do clássico da literatura brasileira "O cortiço", entre outras obras de igual porte.
O diferencial nesta obra é a temática: o sobrenatural. 
A trama inicia com o despertar de um escritor em um dia incomum. As horas se passam e ele percebe que o dia não surge. Há apenas a noite, pesada e assustadora para acompanhá-lo. Só isso já seria algo sinistro, porém Azevedo reserva mais um entrave para seu escritor, a morte de todos na cidade.
Sendo assim, o jovem escritor parte para uma jornada que aterroriza pela simples ideia de fazê-la. Ele sai de sua casa, já sem qualquer tipo de luz e, às cegas, tenta chegar até o lar de sua amada Laura. 
Este é um ponto muito interessante, visto que o autor soma o linguajar rebuscado à uma descrição perfeita do temor. Diante do desconhecido e ainda mais próximo da possibilidade da morte de Laura, o protagonista inicia uma jornada similar à vista em Ensaio sobre a cegueira, porém com ares de tragédia ainda maior.

A busca pela amada resulta em um reencontro inesperado. É no silêncio que o casal demonstra um amor capaz de romper quaisquer barreiras, e esse mesmo amor é o combustível que os impulsiona para uma jornada rumo ao desconhecido. Uma jornada que, literalmente, irá mudá-los.
É no desenrolar da trama que Aluísio mostra um talento nato para o suspense e o medo. Seus protagonistas são envoltos por sensações e situações que beiram a loucura. Há ocasiões em que as descrições beiram uma "bad trip", muito próximas aos relatos de drogados ou loucos. Há, ainda, passagens que lembram as narrativas do clássico de Franz Kafka, A metamorfose, mas não há possibilidade de plágio, pois "Demônios" foi publicado com quase 23 anos de antecedência. Bem, a não ser que Kafka tenha se inspirado em Azevedo. 
O livro é um conto isolado de Aluísio, um extrato de uma publicação que reunia outros contos do autor. O acabamento é perfeito, a capa magnífica e as ilustrações do artista Kako dão um ar soturno e belo ao conto. 
Eu recomendo a leitura deste livro e de outros do gênero publicados pela editora Escrita Fina. O que vocês encontrarão será, sem dúvidas, obras de grande pertinência à literatura (principalmente a nacional), além de um zelo incomum para com o leitor. 

Dados técnicos

  • Páginas: 72
  • Encardenação: Brochura
  • Assunto: naturalismo, sobrenatural, metamorfose
  • Autor: Aluísio Azevedo
  • Ilustrador: Kako
  • ISBN: 9788563877321
  • Preço: R$ 32,80
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário