{lang: 'en-US'}

sábado, 8 de agosto de 2015

Deadpool: análise (review) do trailer.




Esqueça isso, por favor

Por: Franz Lima

Antes de qualquer coisa, peço que esqueçam a versão equivocada de Deadpool que surgiu em X-Men Origens: Wolverine. Aquele é um erro que não chega aos pés da versão humorada e sarcástica do anti-herói da Marvel. 
Feitas as devidas observações, vamos ao trailer:

A primeira nota é sobre a fidelidade do personagem. Deadpool já aparece no trailer como um cara portador de câncer em vários órgãos. Surge a esperança na forma de um projeto capaz de torná-lo melhor, aprimorado. O projeto em questão, segundo a origem dos quadrinhos, é o Arma X, porém não há citações visíveis no trailer para afirmar que seja o mesmo. As cenas sequentes mostram Wade Wilson passando por um tratamento que mistura a tortura física e psicológica à melhora física. Algo não ocorre como esperado e eis que surge o mais carismático e engraçado assassino dos quadrinhos: Deadpool.
Como um teaser já havia vazado na internet, as cenas dele foram colocadas neste trailer, porém com vários cortes. Deadpool está em uma ponte e ouve em um rádio - com uma etiqueta escrita "Wade" - um hip-hop. A aparição do aparelho de som, similar ao de Star Lord, de Guardiões da Galáxia, é uma citação para reforçar que este é um filme da Marvel, onde as ligações entre as aventuras são grandes.
Humor é a chave deste trailer, mas é a violência e as frases desbocadas de Deadpool que dão mais credibilidade a essa versão. Tal como nos quadrinhos, Wade não perde uma piada, principalmente se ela gerar a morte de um inimigo. Novo destaque para a trilha sonora "gangsta" que inclui, entre outros, DMX.

Como se trata de um anti-herói cujo universo é bem violento e a noção de moral é extremamente deturpada, preparem-se para uma profusão de palavrões e piadas adultas. Mas sem isso, Deadpool seria um erro tão gritante quanto foi em X-Men Origens.
A face de Wilson está tão horrível quanto sua versão da nona arte. O câncer foi curado, porém as sequelas permaneceram, incluindo o humor negro e a loucura.
O trailer dá ênfase ao combate com as katanas, sua especialidade, e mostra que há um "vilão" com habilidades que se equiparam às dele. A mistura de ação, humor, loucura e efeitos especiais está perfeita em cada cena mostrada.
Conclusão: Deadpool será um dos mais fiéis filmes da Marvel. Duvida? Então veja o trailer abaixo e confira como até o Colossus (X-Men) está muito melhor que as versões dos filmes da equipe mutante feitos até hoje. 
"Com grande poder... vem grande irresponsabilidade."
Preparem-se!!!!


←  Anterior Proxima  → Página inicial

Um comentário:

  1. Ótima análise.
    Estou ansioso pela redenção do Ryan Reynolds. =]

    ResponderExcluir