{lang: 'en-US'}

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Faber-Castell reinventa livros de colorir com plataforma Color PXL,​ ​criada pela DAVID




Hábito que se tornou febre em 2015 inspira novo produto, que conecta mundos on e offline e é inspirado por elementos da cultura pop digital

  
​São Paulo, 31 de ​agosto de 2015 – No ano em que os livros de colorir caíram​ ​no gosto do consumidor brasileiro, a Faber-Castell está lançando o Color PXL, uma plataforma digital que traz frescor para  este público ao conectar universos digital e analógico, transformando o pixel numa nova manifestação de formas e cores feitas à mão.

Idealizado e desenvolvido pela agência DAVID, o Color PXL oferece uma diversidade de desenhos e possibilidades, todos inspirados por um elemento básico do universo digital: o pixel. Antes restrito às mentes por trás do desenvolvimento de computadores e telas, hoje o pixel virou praticamente elemento da cultura pop, tendo inspirado filmes e plataformas de games. Com Color PXL, a DAVID cria o “handmade pixel”. “É um jeito analógico de se divertir com cores e quadradinhos que explora com criatividade e relevância comercial toda a linha de EcoLápis e Canetinhas já presente no trade de Faber-Castell”, diz Rodrigo Grau, vice-presidente de criação da DAVID.

A plataforma digital Color PXL disponibiliza diversos Pix Papers para serem coloridos, divididos em três graus de dificuldade: fácil, médio e avançado. Os Pix Papers são folhas de papel A4 quadriculadas, sendo que cada quadradinho está identificado com um número que representa a cor que compõe o desenho. Após a pintura, cada Pix Paper se transforma num desenho divertido e super colorido de animais, monumentos históricos, dinossauros, profissionais de diferentes áreas e esportes, entre outros.
Para participar dessa experiência, basta acessar colorpxl.faber-castell.com.br e, com o produto Faber-Castell escolhido para colorir, definir o grau de dificuldade, baixar o Pix Paper, imprimir e começar a atividade. Com o Color PXL é possível escolher o desenho a partir de uma ilustração pronta, ou se surpreender após ele ser colorido, já que a plataforma oferece todos os Pix Papers para serem escolhidos apenas por dicas dadas. Quem gosta de criar e exercitar a criatividade pode imprimir os Pix Papers sem o código de cores e desenvolver o desenho que preferir!
Grid de pixels para criar o desenho. São três níveis.

Faber-Castell
SAC: 0800-701-7068

Sobre a Faber-Castell

Líder mundial na produção de EcoLápis de madeira plantada, a história da Faber-Castell se confunde com a própria criação do lápis. Fundada em 1761 na Alemanha, hoje a empresa possui escritórios em mais de 100 países. No Brasil, onde está presente desde 1930, três fábricas (São Carlos-SP, Prata-MG e Manaus-AM) e 9.600 hectares de floresta cultivada (também em Prata-MG) são as responsáveis pela produção de 1,9 bilhão de EcoLápis por ano. Com mais de 69 mil postos de venda no Brasil, exporta também para mais de 70 países. Seu portfolio inclui: EcoLápis de cor e de grafite, giz de cera, tintas escolares, canetinhas hidrográficas, apontadores, borrachas, canetas, lapiseiras, kits criativos, produtos artísticos, instrumentos e acessórios de luxo para a escrita. Seu projeto de plantio  e seus EcoLápis são certificados pelo FSC® (Forest Stewardship Council). Em 2004, o processo produtivo da Faber-Castell também recebeu o certificado ISO 14001, conquistando a recertificação em 2010. Em 2012 a  Faber-Castell estabeleceu uma parceria com a TerraCycle e lançou um programa de coleta que permite a transformação de instrumentos de escrita em matéria prima reciclada que substitui o material virgem que seria utilizado e evita o descarte de resíduos no meio ambiente. O consumidor pode ajudar se inscrevendo no Programa de Coleta e na Brigada de Instrumentos de Escrita Faber-Castell gratuitamente, por meio do site (http://www.terracycle.com.br/pt-BR/brigades/brigada-de-instrumentos-de-escrita-faber-castell.html).
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário