{lang: 'en-US'}

domingo, 3 de janeiro de 2016

As desculpas de George Lucas após criticar "O Despertar da Força".




Fonte: JB. Comentários: Franz Lima.
Curta nossa fanpage: Apogeu do Abismo
O cineasta e produtor George Lucas, criador da saga "Star Wars" emitiu um comunicado na sexta-feira (1º de janeiro) se desculpando por críticas que havia feito ao novo filme da franquia, "O Despertar da Força", produzido pela Disney, em entrevista recente. Lucas dissera que havia vendido seus personagens a "escravocratas brancos", e que o filme dirigido por J.J. Abrams seria "muito retrô". 
"Raramente emito comunicados para esclarecer minhas posturas, mas acredito que é importante esclarecer que estou emocionado pelo fato de a Disney possuir a série cinematográfica e conduzi-la em direções fascinantes", anunciou em seu comunicado, ressaltando que havia feito uma "analogia muito inapropriada". 
George Lucas vendeu a Lucasfilm à Disney em 2012, por US$ 4 bilhões de dólares. 
Franz diz: George Lucas fez um ótimo trabalho com os três primeiros filmes da série (na verdade, os filmes 4, 5 e 6), porém teve um resultado razoável aos olhos dos fãs na nova trilogia. O episódio VII só saiu por causa da venda da Lucasfilm à Disney que, acertadamente, trouxe uma nova direção e pessoas dispostas a recuperar o que Lucas havia descartado por teimosia ou incompetência. 
O Despertar da Força é um acerto. As bilheterias, críticas e a nova legião de fãs não deixam dúvidas. logo, o mínimo que ele, após a venda da franquia, poderia fazer depois de declarações tão absurdas é se "redimir" com este "mea-culpa". 
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário